Viajar e inclusão: simples ações que transformam vidas

Olá desbravadores!

Na essência do meu coração humanitário, é difícil acreditar que pessoas são excluídas de atividades sociais, como viajar, em razão das características físicas que possuem. Imagino o quão difícil é para portadores de deficiências físicas, como cadeirantes, deficientes visuais, auditivos e mentais, desbravarem o mundo e realizarem atividades simples, como embarcar e desembarcar de um voo.

Leia mais

Visceralistas – O mar, Irê, o mar nem sempre é azul

Vi nos olhos dos outros a fé, que você conhece bem. Paguei nossa promessa, fiz um pedido. Não te preocupa.

Me joguei com tudo do sertão de Juazeiro pradiante. Sola do sapato gasto, saco de pano, saia de lona, peito aberto, ruga na testa, olho vivo. Eu sou mulher e muita coisa. A poeira da estrada muda a cor dos meus cabelos, meus trapos, minhas unhas e de tudo o que eu vejo. Mas eu, Irê, eu tenho faro.

Leia mais