Desvendando Michelle Graça – por Larissa Ribeiro

Olá Desbravadores!

Pensei em estratégias para que este texto saísse fora da linha dos clichês. Lá atrás, imaginávamos os trinta e cinco, imaginávamos um mundo cheio de histórias de sucesso. Cá agora estamos, realizando-as e sendo que muitas delas, ao lado de pessoas que nos ensinam diariamente o caminho do amor. E por ele, o mais nobre dos sentimentos, é que iniciaremos.

Em uma segunda-feira ensolarada, em 07 de fevereiro de 1983, vinha ao mundo à redatora deste blog. De cabelos lisos, sempre muito esperta e inteligente, desde pequena já mostrava os pequenos sinais de que seria uma criança tenaz e serelepe: “Lembro uma vez em que fomos fazer um exame de sangue e Michelle estava com tanto medo que perguntou para e enfermeira se poderia cantar e foi assim, numa cantoria só durante todo o procedimento”, conta com orgulho a mãe da Michelle, dona Rosa Maria, que para mim sempre foi a tia Rosa.

O  brilho ao falar dela não para por aí: a tia diz aos quatro ventos que a Mi é uma filha incrível,  sensível, correta e inteligente. Um grande presente de Deus que ela tem a maior honra em ter concebido. “Ela é batalhadora e luta pelos sonhos. Todos os dias aprendo algo com ela, seja a enviar algo pelo WhatsApp ou a mexer no Netflix”, diz com orgulho e apreço a mãe.

E nas viagens de infância, o senso de responsabilidade falava mais alto. Mesmo ela não gostando muito, era responsável por cuidar da irmã, Tamires, quando ficavam sem os pais na casa da vó, em Presidente Epitácio. Ela não poupa elogios para descrevê-la: “Apesar de calma, a Mi tem a personalidade forte e sempre se destacou pela sua inteligência e dedicação aos estudos. A determinação sempre me serviu de espelho quando pequena. Hoje ela é uma tia excelente: a tia Mi que a Júlia ama muitão”, afirma com carinho.  

Representando o lado da amizade, só tenho histórias cheias de carinho para contar. Diariamente Michelle me encoraja e aconselha. Fora os poderes sobrenaturais em aconselhamento e incentivo que são o ponto alto da nossa amizade; é mestre em podcasts em broncas e sessões de coaching. Os matinais então, são a glória.

Para vocês, leitores, quis deixar à mostra o outro da especialista em conteúdos e mídias digitais que já conhecem, com a amiga maravilhosa que tenho ao meu lado.

Desejo que os trinta e cinco venham cheios de garra e luz, que a segurança que agora te rodeia te guie aos caminhos mais inusitados e cheios de história. Que suas conquistas sejam extremamente comemoradas e que seus desejos se realizem na velocidade da luz.

19679253_1443492965720891_1036831123084383146_o
Depoimentos calorosos citados nesta matéria, cedidos gentilmente pela mãe da Michelle, dona Rosa Maria (de roxo à direita) e a irmã Tamires (noiva à esquerda).

Rodapé

Au Revoir, Ciao, Hasta Luego, See you later, Até logo!

Michellândia

Nas redes 💻

✈Facebook: @blogmichellândia
✈ Instagram: @blog_michellandia
✈ Bloglovin’: Michellândia
✈ Linkedin: Michelle Graça
✈ Mochila Brasil: Autora Michelle Graça

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s